Nas ações de limpeza e recuperação dos terrenos ardidos no Ribeiro Francês
– Santa Cruz, realizadas pelo Grupo Madeira Voluntária (
http://madeiravoluntaria.wordpress.com/) e com a colaboração do Grupo
Transição Madeira (http://transicaomadeira.wordpress.com/), foram
encontrados e recuperados diversos objectos – resíduos ardidos.

Com estes, foi projectada uma instalação artística na Travessa João Caetano
– Zona Velha, intitulada “Reconexão” .

Guiados por 2 artistas plásticos, Andreia Nóbrega e Trindade Vieira, um
grupo de amigos projetou e concebeu “ Reconexão” – um exercício de
reflexão, mas sobretudo de religação e de reaproximação a algumas questões
consideradas fundamentais para um futuro mais verde. Simultaneamente foi
realizado um registo fotográfico por Paulo Coelho, José Montero e Maurília
Cró.

O lixo, o desperdício e as sobras numa sociedade demasiado centrada no
consumo, constituem assim o pano de fundo desta instalação, que procura
mostrar novas possibilidades e alternativas – olhares de esperança – foi
criada uma pequena horta urbana segundo princípios de permacultura, que
numa abordagem muito descomplexada fala-nos de “cuidar das pessoas, cuidar da terra e partilhar os excedentes…”

A inauguração da instalação será no dia 31 de Agosto pelas 18.30H na
Travessa João Caetano – Zona Velha (14/16) e estará aberta ao público nesse mesmo
dia a partir das 22H e no dia 1 de Setembro a partir das 17h.

Advertisements