A iniciativa Madeira em Transição vai associar-se ao Clean Up The World, no próximo dia 21 de setembro.

O Clean Up the World é uma campanha global que inspira e capacita as comunidades a limpar, consertar e conservar o meio ambiente.

Realizada em parceria com o Programa das Nações Unidas para o Ambiente (UNEP), o Clean Up the World envolve anualmente cerca de 35 milhões de voluntários em 130 países, tornando-se numa das maiores campanhas ambientais de base comunitária no mundo. Inspira e capacita grupos comunitários, escolas, empresas e governos locais a participar como membros e a realizar atividades que tratam de questões ambientais locais.

CUW_MemberEN_col_wide

Propomo-nos neste dia juntar voluntários para limpar uma das praias do Caniçal e a Mata da Prainha. 

Dirigimo-nos assim à população local para nos ajudar nesta missão.

Iremos proceder à recolha de lixo nestes dois locais:

Atividade: Clean Up The World : Caniçal – Madeira Island

Data: Sábado, 21 de setembro

Hora: 10H

Local: Caniçal

Ponto de Encontro: Estacionamento da Prainha, no Caniçal

Mat. Necessário: Luvas grossas, pinças, baldes,sacos para transportar o lixo.

Inf. Adicional: Lembramos calçado resistente, roupa confortável e chapéu. Água e almoço para partilhar. Máquina fotográfica. Fato de banho para mergulhos no final dos trabalhos. 🙂

“Clean Up the World traz o foco diretamente sobre nós – como pessoas, como agentes de mudança para todos os membros do Clean Up the World, eu tenho uma mensagem simples: Obrigado Suas ações realmente fazer a diferença.”. Ao assumir a responsabilidade pela sua área local, os voluntários estarão a desempenhar um papel vital no esforço mundial para proteger e preservar o nosso planeta. Desde já, cada voluntário está de parabéns por tomar a responsabilidade pelo seu lugar na terra.

Achim Steiner, Diretor Executivo Diretor do Programa das Nações Unidas para o Ambiente.

CUW11_Poster_ALL

Mais informações: madeiraemtransicao@gmail.com

http://activities.cleanuptheworld.org/?7596

Evento no Facebook: https://www.facebook.com/events/627213087324119/

II.ª Edição e… agora é que é!  

O filme Aldeia de Sonho foi filmado entre Maio e Junho de 2010 e retrata as sessões de participação realizadas para conhecer quais os sonhos para a Aldeia das Amoreiras e qual é a Aldeia das Amoreiras de Sonho. Estes sonhos são a visão de uma Aldeia Sustentável para os habitantes da Aldeia das Amoreiras.

Quase toda a população esteve presente em grupos de cerca de 15 pessoas nestas sessões em que se contaram histórias do passado, se desenharam e decoraram com fotografias antigas mapas das ruas da Aldeia e se disseram em voz alta os sonhos que trazemos connosco para a Aldeia onde vivemos.

Todas as sessões foram documentadas, fotografadas e filmadas e o resultado: um pequeno documentário onde se apresentam todos os sonhos da população da Aldeia das Amoreiras.

Muitos sonhos foram falados por muitas pessoas.

Muitas ideias foram lembradas repetidamente.

Muitas ideias novas surgiram de onde menos se esperava.

E muitas histórias antigas deram mais sentido a sonhos novos.

A população desta Aldeia inspiradora é a principal responsável pelos sucessos conseguidos.

Este filme foi editado para ser apresentado na primeira festa da Aldeia Sustentável a 26 de Junho 2010. A coordenação destas sessões de participação é de Sara Serrão. A realização e montagem é de Sebastian Rost. Seleção Musical por Ricardo Inácio. Operação de câmara por Sebastian Rost e André Vizinho. Legendas por Ricardo S. A voz é de Bruno Mendes (Maleiker)

12 de setembro de 2013 às 21H no Espaço 116, no nº 28 da rua dos barreiros na zona velha da cidade.

Haverá espaço ao habitual círculo de debate para expressão, partilha de ideias e experiências.

Os lugares são preenchidos por ordem de chegada. Seja pontual.  

Uma iniciativa do Grupo Madeira em Transição.

Sugestão de donativo (1-2euros).

Cartaz_Aldeia_set13

 

https://www.facebook.com/events/505312922883593/

Chegou a Feira de Trocas Verão!

É já no próximo dia 14 de julho, domingo, nos Jardins do Lido das 15h às 18h.

Feira de Trocas: é um evento de trocas local baseado nos princípios da reutilização, redução do consumo, economia livre, solidariedade e entreajuda local. O princípio da troca é de que se dê uma nova vida a objetos ou bens aos quais já não damos utilidade, trocando por outros em circunstâncias idênticas, por forma a satisfazer ambos os intervenientes. Sempre que possível procuram-se integrar outras atividades paralelamente a este evento, como workshops e danças europeias.

As feiras de trocas na Madeira têm contribuído não só para a troca de produtos, serviços conhecimentos, mas também para a promoção da partilha, o dar e o receber… criar um ambiente familiar, um espírito de entreajuda, em que quando menos esperamos aparece sempre uma mão-amiga. Aqui conheceram-se pessoas, fizeram-se amigos, e lançaram-se sementes de mudanças.

Irão decorrer em paralelo as tradicionais atividades como o yoga do riso, shiatsu, massagens, workshop de bombas de sementes e como Verão lembra férias, descanso e boa vida, idealizamos já um cantinho muito especial para um dolce far niente – zona de bem-estar!

Teremos ainda espetáculo musical e o grande encerramento com uma sessão de Danças Tradicionais Europeias.

Irá decorrer um lanche, para o qual solicitamos que todos os participantes tragam algo para partilhar.

A entrada da feira reverte a favor da Casa da Sagrada Família e Refúgio de São Vicente de Paulo – Lar de Idosos, uma IPSS com capacidade para cerca de 85 idosos, que acolheu com muito entusiasmo o nosso convite para ser a entidade de beneficência, sendo que é solicitado a cada participante que traga um item da seguinte lista:

– Higiene: gel de banho, champô, escova de dentes, pasta de dentes, creme hidratante, fraldas.

– Géneros alimentares: massas, arroz, azeite, etc.

– Vestuário: meias (meia perna e normais) e toalhas de banho.

feira de trocas verao 2013

Uma iniciativa do Grupo Madeira em Transição.

https://madeiraemtransicao.wordpress.com/

http://feiratrocasmadeira.wordpress.com/
Evento: https://www.facebook.com/events/504897502912250/

Levado pelo seu espírito idealista, Alfredo decide criar um grupo de teatro com um conceito revolucionário: “uma arte mais livre, interpretada com o coração, capaz de fazer as pessoas se sentirem vivas”. O seu conceito de teatro vai além do cenário, é realizado nas ruas, cara a cara com o público. Numa praça qualquer, num parque ou na avenida mais comercial da cidade, Alfredo e o seu grupo “Noviembre” passam à ação: diabos que provocam os passantes, atuações de denúncia social, ações levadas ao extremo de colocar em alerta as forças da ordem pública.

Não há limites nem censuras, só ideias, e todas são válidas se são capazes de conseguir que o espectador deixe de ser espectador e passe a fazer parte da representação, se surpreenda, se assuste, ria ou chore.

O teatro como a vida, a vida como o teatro… já não há diferença.

11 de julho de 2013 às 21H no Espaço 116, no nº 28 da rua dos barreiros na zona velha da cidade do Funchal.

Haverá espaço ao habitual círculo de debate para expressão, partilha de ideias e experiências.

Os lugares são preenchidos por ordem de chegada. Seja pontual.

Uma iniciativa do Grupo Madeira em Transição. Sugestão de donativo.

noviembre_cartaz

https://www.facebook.com/events/595571817141932/

O grupo das danças tradicionais europeias, disse um «até logo» ao seu mentor e orientador, Alexandre Martins, que semana após semana nos levou a «voar» por esse mundo fora através da dança. De Israel à Rússia, Portugal a França, os participantes se divertiam com os ritmos ora fortes ora suaves da música tradicional desses países. Fica aqui o nosso agradecimento pelo seu investimento pessoal e afetivo e esperamos que pelos lados do continente, volte a aprender outras danças e possa brindar-nos de novo com a sua presença.

Dito isto, fica igualmente aqui a informação que a responsabilidade da continuidade do funcionamento deste grupo, ficará a cargo do nosso amigo Zé Carlos (José Ferreira) e de mim (Isabel Macedo Pinto). Esperamos que o Zé Carlos recupere rapidamente da sua perna e nos possa visitar brevemente. Qualquer dúvida, sugestão ou reclamação, é favor dizer…:) estamos cá para isso e para tornar os nossos serões de sexta bem divertidos e bem descontraídos. 🙂

 

Chegou o Verão e com ele vem a próxima Feira de Trocas!

No Encontro Geral Madeira em Transição do sábado passado, as ideias já começaram a borbulhar e os preparativos arrancaram oficialmente no Grupo Feira de Trocas!

Podemos adiantar que será lá para meados de julho, data ainda a confirmar conforme disponibilidade do local. Que será num belo jardim da cidade do Funchal! E como Verão lembra férias, descanso e boa vida, idealizamos já um cantinho muito especial para um dolce far niente!

Quer saber mais? Gostaria de participar na organização?
Pode contribuir com o seu tempo, disponibilidade e dedicação?

Na próxima sexta-feira, dia 28 de junho teremos uma reunião especial “Preparação Feira de Trocas Verão”.

Local: Estrada Monumental – Edifício Navio Azul

Ponto de Encontro: 18h à entrada do edifício

Será muito bem-vindo a esta reunião! 

Traga consigo boa disposição, criatividade e vontade de mudar o mundo, contribuindo para uma mudança positiva na nossa comunidade! Papel e caneta também ajuda!

Poderá também enviar email para: madeiraemtransicao@gmail.com.

Mais informações sobre Feiras de Trocas:

http://feiratrocasmadeira.wordpress.com/

O próximo encontro do Grupo Madeira em Transição é já no dia 22 de junho pelas 15h no Monte/Livramento.

Se quer contribuir para melhorar a sua comunidade, concentrar a sua energia em soluções e modos de vida sustentáveis, este é o espaço ideal para em conjunto e em colaboração com outros elementos chegar a soluções criativas.

O encontro será facilitado segundo a metodologia espaço aberto, a qual permite a realização de pequenas reuniões em simultâneo.

Solicitamos que tragam algo simples para partilhar no lanche (um item, ex: bolachas, pão, etc.) e algo para escrever.

Mais informações sobre como chegar ao local: madeiraemtransicao@gmail.com.

Contamos com a vossa presença e participação! 

2013 jun 22

 

https://www.facebook.com/events/631035816908782/

O filme Aldeia de Sonho foi filmado entre Maio e Junho de 2010 e retrata as sessões de participação realizadas para conhecer quais os sonhos para a Aldeia das Amoreiras e qual é a Aldeia das Amoreiras de Sonho. Estes sonhos são a visão de uma Aldeia Sustentável para os habitantes da Aldeia das Amoreiras. Estes sonhos são o princípio da construção da Aldeia das Amoreiras Sustentável. Este filme foi editado para ser apresentado na primeira festa da Aldeia Sustentável a 26 de Junho 2010. A coordenação destas sessões de participação é de Sara Serrão. A realização e montagem é de Sebastian Rost. Seleção Musical por Ricardo Inácio. Operação de câmara por Sebastian Rost e André Vizinho. Legendas por Ricardo S. A voz é de Bruno Mendes (Maleiker)

13 de junho de 2013 às 21H no Espaço 116, no nº 28 da rua dos barreiros na zona velha da cidade.

Haverá espaço ao habitual círculo de debate para expressão, partilha de ideias e experiências.

Os lugares são preenchidos por ordem de chegada. Seja pontual.  

Uma iniciativa do Grupo Madeira em Transição. Sugestão de donativo (1-2euros).

Cartaz_Aldeia

 

https://www.facebook.com/events/399600496822799/

No dia 20 de abril, teve lugar o 2º permablitz de 2013, organizado pelo grupo Madeira em Transição! Com início pelas 9h30, logo se colocou mãos à obra, com a força e entusiasmo que são já marca registada deste grupo! Este permablitz acabou por revelar-se como um dos mais duros até à data, sob um sol que não deu tréguas e um terreno duro deixou todos a suar em bica! Mas o grupo persistiu e levou a cabo a tarefa a que se havia proposto! O resultado final… alegria, entreajuda e partilha, mais uma vez foram alcançadas! E mais uma semente de mudança lançada! Que dê muitos frutos!
Muito obrigado a todos os intervenientes em mais esta iniciativa!

Até à próxima!!! 😉

 

Com a ajuda da motoroçadora, procedeu-se à limpeza do terreno!

Com a ajuda da motoroçadora, procedeu-se à limpeza do terreno!

Cortaram-se as costaneiras em segmentos mais pequenos para criar a mandala!

Cortaram-se as costaneiras em segmentos mais pequenos para criar a mandala!

Tentamos com uma dança ritual apaziguar os deuses para que o sol desse tréguas! ;)

Tentamos com uma dança ritual apaziguar os deuses para que o sol desse tréguas! 😉

Introduziram-se os materiais para cobertura de solo ("sheet mulching")

Introduziram-se os materiais para cobertura de solo (“sheet mulching”)

Resultado da mandala! É visivel tb uma cobertura de solo com pedras para proteger da erosão por escorrência de águas de chuva e conduzi-la para os "swales" ou valas de infiltração criadas!

Resultado da mandala! É visivel tb uma cobertura de solo com pedras para proteger da erosão por escorrência de águas de chuva e conduzi-la para os “swales” ou valas de infiltração criadas!

Construção e explicação do "A-frame" usado depois para determinar linhas de contorno!

Construção e explicação do “A-frame” usado depois para determinar linhas de contorno!

Compostor criado com recurso a paletes e rede de galinheiro!

Compostor criado com recurso a paletes e rede de galinheiro!

O fruto mais importante de todas as intervenções é a alegria!

O fruto mais importante de todas as intervenções é a alegria!

Eis o vídeo que foi apresentado durante o jantar de Celebração “Um ano Madeira em Transição”, no passado dia 13 de abril: